Loft por Carico – CasaCor 2005

Arte e sustentabilidade,  foram os princípios definidos pelo arquiteto Carico para criar este projeto para a CasaCor 2005, que aconteceu no Alphaville. O projeto é basicamente uma caixa toda feita de eucalipto prensado . A obra é rápida , limpa, e bem inteligente  pois por ser toda montada, pode se deslocar para qualquer lugar.

A estrutura toda feita em madeira com 10cm de espessura, (paredes, piso e teto) o ambiente teve um excelente isolamento acústico devido a escolha do material, uma vez em que o loft possuí o pé direito de 5m de altura.

No interior várias obras de arte compunham a ambientação. Ao entrar no loft um grande quadro de 2,5 x 2,5 do artista plástico Thales, chamou a atenção não apenas pelo tamanho, mas pela inusitada moldura de vidro desenvolvida especialmente pra ele que era mais estreita e alta que do que a obra. Segundo o arquiteto esta era uma forma de acentuar a desproporção do quadro em relação ao ambiente. Ao lado do quadro, três belos exemplares da cadeira Dinamarquesa, design de Arne Jacobsen compunham  o ambiente pois por serem revestidas no tecido de vaca, deu uma cara nova para o clássico.

Em outro ponto do ambiente, logo acima do banco “Julia”, desenho do arquiteto, as famosas luminárias do design Philippe Starck e uma pintura feita na própria parede pelo filho do Amílcar de Castro completavam o cantinho com uma simetria muito harmoniosa.  Ao fundo, o mapa do loteamento “Alphaville” foi adesivado sobre shadopack preto, o que valorizou ainda mais a locação em que a mostra acontecia.

No estar, Carico optou por sofá e poltronas italianas, bastou um exemplar da cadeira Charles Eames, a mesa bol, obras de arte da galeria Selma Albuquerque e uma bela parede de espelhos jateados com os dizeres “Art is a word” que segundo Carico, significa o que ele sente em relação a arte em geral !

O layout tinha o intuito de ser limpo e mais pra vazio, pois aquele seria um lugar que supostamente serveria para receber muitas pessoas.

A área externa da instalação chamou atenção por ser uma homenagem ao também artista mineiro , Amílcar de Castro aonde um jardim foi todo ambientado com seis obras do próprio.

O loft ficou realmente incrível e atemporal, maior prova disso é que este foi executado há seis anos e continua super atual!

Vamos relembrar…

Fotos: Jomar Bragança

Confira abaixo vídeo com a perspectiva do projeto:

Uma resposta

  1. Flavia

    Me desculpem os outros, mas é o melhor arquiteto de Minas Gerais!

    19 de julho de 2011 às 11:55

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s